Obssessão pós-parto: a compulsão feminina de voltar imediatamente ao peso anterior à gravidez

por Josie Zecchinelli em 14/03/2009

Emagrecimento emagrecer após parto

A primeira reação da maioria das mulheres que engravidam, sobretudo na primeira vez, é se sentir nas nuvens. A segunda, atualmente, é pensar: como vou voltar à forma rapidamente? A resposta é dura: infelizmente não vai…

Por mais que artistas e modelos impressionem pela velocidade com que aparecem de barriga (tanque) de fora, semanas depois do parto, é importante dizer para vocês que a recuperação a jato da cinturinha só acontece com mulheres que já eram magras, atléticas e predispostas à rápida perda de peso.

Como a cantora baiana Claudia Leitte, de 28 anos, que, um mês depois de ter dado à luz o filho Davi, comandou um trio elétrico, com pouca roupa e muita energia, nos intermináveis dias e noites do Carnaval de Salvador. “Tenho movimentação de atleta. Chego a ficar oito horas pulando nos shows. Meu corpo é forte e, por isso, se recuperou rapidamente”, diz Claudia, já livre de todos os 10 quilos que ganhou na gravidez e mais 1, para garantir.

A Claudia Leitte merece todos os elogios, mas não deve ser tomada como exemplo… Ao contrário, a expectativa de emagrecimento rápido pode acrescentar uma carga de alto stress à vida já tão modificada pelo nascimento de um filho.

Em média, o esperado é que mulheres com bom condicionamento físico que engordaram de 10 a 13 quilos durante a gestação recuperem o peso habitual em três a quatro meses, o mesmo prazo para que o útero retorne ao tamanho original. Não custa repetir: cada corpo tem o próprio ritmo. Na gravidez, os músculos retroabdominais são esticados em até 50%.

O prazo de três meses para a recuperação é o mínimo. Inclusive, neste período, saiba que vai continuar a usar suas roupas de grávida, e isto não tem qualquer problema. Não precisa ter vergonha disto. É normal!

Aliás, acontece com frequência, quando o ganho de peso é maior e a dificuldade de voltar ao normal também, de que as clientes voltem para fazer compras de novas roupas nas lojas especializadas de roupas para gestantes, mesmo depois do parto.

Mas voltando ao caso da Claudia Leitte, que está amamentando e não mudou a dieta habitual, mas fez caminhadas todos os dias desde que saiu da cama; vinte dias depois do parto ela já estava correndo quarenta minutos na esteira. Ganhou medalha de ouro na competição pós-parto que se desenvolve entre as mães famosas, provavelmente empatada com a modelo Alessandra Ambrosio, também de 28 anos, que engordou 20 quilos, teve a filha Anja em agosto e, no dia 15 de novembro, desfilou para a grife de lingerie Victoria’s Secret, de calcinha, sutiã e 18 quilos a menos.

Ao contrário da maioria das famosas que disfarçam os sacrifícios exigidos pela vida diante das câmeras, não se deve esconder o sacrifício que é mesmo voltar à velha forma. Pois é preciso, sim, fazer um regime bem rígido e equilibrado, orientado por nutricionistas, que mandam normalmente fazer as cinco refeições diárias, porém de baixas calorias. Depois de um mês, sempre é bom começar a fazer musculação e caminhadas todos os dias.

A atriz americana Jessica Alba, de 27 anos, também teve a mesma e reconfortante sinceridade. Ela deu à luz uma menina em junho, engordou 15 quilos e sofreu para recuperar em três meses a forma que lhe rendeu o título de um dos mais belos corpos do cinema. Com o compromisso comercial de posar para o calendário de uma marca de bebida, Jessica começou a fazer ginástica moderada três semanas após o parto. Dois meses depois, era uma hora por dia, seis dias por semana. Segundo ela, os exercícios eram horríveis. Ela chegava a chorar. Depois disso, disse que nunca mais fez ginástica – ela apareceu linda e esbelta no calendário (ainda que provavelmente a cinturinha foi eletronicamente afinada…).

Se até Jessica Alba precisa de Photoshop, imaginem as mulheres comuns…

Aliás, a paranoia é tão grande que é comum algumas mentirem. Engordam 10 quilos, mas dizem que foram 30, para impressionar as amigas…

Os regimes de fome, já habitualmente condenáveis, não devem nem ser cogitados por mães recentes. O saudável na gravidez é uma dieta de cerca de 1.800 calorias por dia. No pós-parto, sobe para 2 000 a 2 300. Afinal, as mães que cortam muito a alimentação, incluindo os carboidratos necessários para produzir leite, podem ter hipoglicemia, cansaço e tonturas. E talvez os bebês não ganhem peso na quantidade e velocidade ideais.

A prática de exercícios também exige moderação. Na porção inferior do corpo, é preciso tomar cuidado com os pontos. E a musculatura peitoral estará debilitada por causa da amamentação, o que pode tornar dolorosos os exercícios com peso.

Da mesma forma que o excesso de cuidados do período de resguardo do passado, quando as mulheres nem lavavam os cabelos, os exageros do presente impressionam.

Perigo

Um caso recente foi o de Tameka Foster, mulher do cantor americano Usher. Em fevereiro, apenas dois meses depois de ter dado à luz, internou-se para uma lipoaspiração na barriga, numa clínica de São Paulo. Ao médico, disse que o parto havia sido seis meses antes. Tameka sofreu uma parada cardiorrespiratória durante a anestesia e passou onze dias internada.

É possível estabelecer uma relação entre os dois fatos?

O corpo de parturientes recentes contém excesso de líquido, o que aumenta o volume de sangue. Durante uma operação, a paciente recebe ainda mais líquido. O coração não dá conta de bombear todo esse sangue e pode sofrer uma parada. Além disso, o útero ainda não voltou ao seu tamanho normal e pode comprimir as veias das pernas, que fazem a ligação do coração com os membros inferiores, causando uma embolia.

Como as dores do parto, os sacrifícios em favor do emagrecimento rápido podem parecer mais vagos com o passar do tempo. A atriz Carolina Dieckmann, por exemplo, engordou 30 quilos na segunda gravidez e impressionou pela recuperação da cinturinha. Durante o esforço emagrecedor, chegou a reclamar que passava muita fome. Hoje, corpo perfeito, releva: “É, sentia uma fominha”. Todas as que não são Carolina estão desobrigadas de fome de qualquer tamanho.

Texto de Juliana Linhares, publicado na Revista Veja em Março/2009.
Publicado também no site www.aleitamento.com.

Veja também:

56 comentários

  1. Sabrina Fernandes disse:

    Muito interessante esta matéria…

    Engordei 42kg na minha gestação, sendo que minha filha nasceu de 32 semanas (parto por indução).
    Minha bebê nasceu com 3,800kg, tive diabetes gestacional, o que ajudou no ganho de peso…

    Perdi somente 12kg, minha bebê já está com 4 meses, tenho feito caminhadas e controlado minha alimentação…sei que não vou conseguir perder todo o peso rápido, até porque é minha terceira gestação, o que dificulta bastante…

    mas tenho me esforçado muito…

    Avalie:   Positivo 22 Negativo 6

    • Pri disse:

      Ola! Minha fillha ja esta com quase 9 meses… Come papinha 3x por dia mas Ainda mama no peito. Ainda faltam 6 kg para eu chegar no peso em que eu estava quando engravidei. Como ela come comidinha e nao depende so do leite materno, queria saber se eu ja posso fazer dieta? Obrigada

      Debate quente! O que você acha?   Positivo 9 Negativo 10

  2. Amano Bela disse:

    Oi Sabrina

    Com a sua dedicação, com certeza você vai perder o restante do peso, confie nisso. Perda de peso é um processo gradual mesmo, e que varia de pessoa pra pessoa. Estar consciente disso ajuda bastante a lidar com essa situação, a aceitar as suas possibilidades a cada momento e a valorizar suas conquistas. O que costuma gerar muito desconforto pras mães é exatamente a vontade de eliminar tudo de uma vez e querer que o corpo esteja exatamente como antes, como se a gravidez não tivesse existido. No pós-parto, a mãe lida com uma situação nova, não importa se é o primeiro, terceiro, ou décimo filho, é sempre uma situação nova, um desafio, e isso afeta as emoções, o corpo, algumas mulheres vão emagrecer, outras vão engordar, pode ser que haja ansiedade e isso afete a alimentação, pode ser que haja estresse na nova rotina, enfim, o que quero dizer é que muitas coisas podem afetar a relação com o corpo, o peso, o metabolismo e alimentação no pós-parto, e quanto mais suporte, e de melhor qualidade, a mãe tiver em sua nova rotina, melhores as possibilidades de cuidar de si, e consequentemente de seus filhos. Ter pessoas à sua volta que te dêem apoio pra ter um tempo pra si, ter a ajuda de um profissional, enfim, ter suporte, aliado à determinação, podem fazer a grande diferença pra você conseguir alcançar o teu objetivo de uma forma que também te deixe à vontade com a tua vida de mãe.

    Avalie:   Positivo 7 Negativo 2

  3. Luciett disse:

    Olá….eu gostaria de saber se posso fazer musculação para o corpo todo após um mês do parto?……exceto o abdomem, é claro

    Avalie:   Positivo 7 Negativo 3

  4. Viviane Rinaldi disse:

    Muito interessante a matéria.
    Eu engordei pouco mais de vinte quilos e é meu terceiro filho, meu bebê está com 2 meses e emagreci 15 quilos, mas ainda não estou satisfeita, estou muito deprimida por isso. Então me ajudou muito saber que estou no prazo normal pra emagrecer…
    Obrigada

    Avalie:   Positivo 9 Negativo 0

  5. Naiara Patricia Pereira de Castro disse:

    Comentário escondido por baixa avaliação. Clique para ler.

    Comentário ruim? Avalie!   Positivo 2 Negativo 7

    • Amano Bela disse:

      Luciett e Naiara

      A prática de exercícios no pós-parto vai depender muito do tipo de parto e da liberação do médico. A melhor forma de saber como proceder é primeiramente ver qual é a recomendação do médico que fez o acompanhamento do parto, e em seguida, caso você esteja liberadapara se exercitar, procurar um profissional habilitado para trabalhar o seu corpo neste período de pós-parto, que conheça bem a fisiologia corporal durante este período especial. A recuperação de uma cirurgia cesárea é um pouco diferente em relação ao parto normal, e o condicionamento físico da mulher também vai interferir no tipo e intensidade de exercícios que ela poderá praticar no período pós-parto. Se a muher tinha um bom condicionamento físico antes de engravidar e se exercitava regularmente, inclusive durante a gestação, isso irá facilitar o retorno mais rápido às atividades físicas, dependendo, é claro, de como foi sua experiência de parto. A musculação é uma atividade que envolve carga, exige mais da musculatura, portanto, o ideal é ter mesmo a opinião do médico e de um profissional habilitado para definir a partir de quando você poderá praticar e de que forma começar.

      Avalie:   Positivo 6 Negativo 1

  6. Bom….A verdadeé que nós mulheres nem nos preocupamos tanto em voltar ao corpo normal.Claro queremos ficar lindas e belas, mas o que mais nos deixa,enlouquecidas para voltar ao peso normal é a cobrança exagerada e imperceptivel de nossos maridos.
    Isso incomoda muito……..Pois não somos perfeitas e eles não entendem que há tempo para tudo.Eles simplesmente querem que nós saiamos da maternidade magerrimas….Bom estou com 7 meses engordei 15kilos….
    Estou feliz e isso não vai mudar esse momento maravilhoso que estou passando.

    Avalie:   Positivo 10 Negativo 1

  7. Elenita Schmidt disse:

    Comentário escondido por baixa avaliação. Clique para ler.

    Comentário ruim? Avalie!   Positivo 1 Negativo 5

  8. natalia disse:

    eu tinha 49 kls apos dois filhos fiquei com 68

    mesmo assim com muita força de vontade voltei aos 49 ano passado após dez anos ,agora engravidei de novo e sei que se consegui uma vez consigo novamente ,forças de vontade ainda e´tudo.

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 1

  9. daliana ferreira disse:

    meu nome e daliana tenho 28 anos e essa e minha primeira gravidez,engordei seis quilos apos o parto , e ja esta fazendo 4 meses ,meu filho amamenta muito pouco ,tive q dar mamadeira pra ele pois meu leite nao estava sendo suficiente , estou desesperada com esse peso a mais , nao consigo entrar em minhas roupas e vou voltar a trabalhar dia 17 de setembro agora .por favor me ajude.

    Debate quente! O que você acha?   Positivo 7 Negativo 5

  10. Camila disse:

    Olá, Boa tarde

    Estou de 32 indo para 33 semanas de gestação, o que acontece comigo é um pouco diferente, eu engravidei estava com 6 quilos mais do meu peso atual, já engordei 13 quilos, neste último mês engordei quase 6 quilos mas estou inchando muito, o médico disse que estou com falta de proteínas… Estou desesperada para saber se vou conseguir perder o peso que ganhei e o que estava sobrando, acho que vou ter que perder uns 25 quilos para chegar ao que eu era antes… As pessoas dizem que é fácil porque eu só engordei barriga e muita água e eu só tenho 22 anos, mas sabe como é né, já me desespero porque sempre controlei o meu peso e sempre que aparecia uma gordurinha a mais já fazia dieta….

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 1

  11. Ana Paula Bandas Sábio disse:

    Comentário escondido por baixa avaliação. Clique para ler.

    Comentário ruim? Avalie!   Positivo 8 Negativo 23

  12. Camila disse:

    Antes de engravidar eu pesava 55kg, durante a gestação engordei 20kg, em 10 dias perdi 10kg, e já se passarm 2 anos e não consegui emagrecer mais……….não sei mais o que faço.

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 1

  13. Graciele chiapetti disse:

    Tenho 22 anos tenho 2 filhos 1 de 4 anos e o outro com 6 meses. Estou muito acima do peso na minha gestação engordei somente 8 kg mais depois do parto ainda na dieta engordei muito e estou com muita dificuldade para perder esses kg indesejados gostaria de receber em meu E-mail dicas de regimes ou dietas que possam me ajudar a emagrecer com saude,pois estou amamentando e tambem gostaria de saber se posso tomar algum remédio para perder peso sem prejudicar a saude do meu bebê. obrigado e até mais.

    Avalie:   Positivo 6 Negativo 2

  14. nubia da silva disse:

    tenho 22anos meu primeiro filho ainda estou gravida de 33 semanas engordei 20kilos estou com medo de nao emagrecer esse 20kilos que ganhei ate agora! gostaria de e-mail dicas de regimes e dietas que possam me ajuda eliminar esse kilos que ganhei
    tenho 1,60 de altura obrigado

    Avalie:   Positivo 5 Negativo 0

  15. Fabiola disse:

    Tenho 27 anos e dois filhos,antes da primeira gestação q foi a 8 anos passados eu pesava 50 kilos,e engordei 22 kilos levei 3 anos para perder, antes da segunda gravidez estava pesando 64 kilos e cheguei no final da gestação com 77 kilos,tenho 1,65 de altura,meu filho esta com 2 meses e ja perdi 11 kilos,mais a barriga é impressionante ainda pareço estar gravida isso é terrivel!queria saber o q posso fazer para acelerar a perda de peso sem prejudicar a amamentação,meus filhos são de cesareana sera q isso tem alguma coisa a ver?

    Avalie:   Positivo 13 Negativo 0

  16. lorena disse:

    meu bebe esta com 3 meses, quero saber se ja posso voltar a fazer musculação..

    Avalie:   Positivo 2 Negativo 0

    • Amano Bela disse:

      Olá mães!

      Estou em busca de algum profissional sintonizado com a proposta do site, seja da área de educação física ou nutrição, para me ajudar com as dúvidas de vocês. Posso responder apenas no que compete à minha àrea, e pensando nisso, escrevi um texto sobre algumas das dúvidas que têm surgido por aqui. Em breve o texto estará no ar, com reflexões sobre a dificuldade de emagrecer no pós-parto. Enquanto isso, no que eu puder, vou me informando sobre o que vocês têm trazido até aqui.

      Um grande abraço!

      Avalie:   Positivo 1 Negativo 1

  17. Leidyana Marques disse:

    Olá tenho 27 anos 163 de altura e pesava 60 k, engordei 15 kilos primeira gravidez,dia 10 agora ira fazer 2 meses a bebe e ainda me faltam 5kilos para emagrecer,mais o que me incomoda mais e a barriga que não volta e os seios que caíram muito estou totalmente desgostosa.Outra estou sozinha com a minha nene,moro num apt no último andar (7) nao tenho esteira,gostaria de fazer exercicios mais fica difícil sair com a nene.As vezes quando dar faço abdominal em casa e alguns outros exercícios,mais o que eu faço para perder esse peso e os seios nao ficarem tão caídos ???

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 2

  18. Priscila Faria disse:

    Só se ouve e se lê sobre as maravilhas da gravidez e depois, de quando o bebê está em nossos braços… Quase ninguém fala do lado ruim destas experiências.
    Tive bebê há 3 meses, engordei 24 kg durante a gestação, com a falsa idéia de que durante a amamentação perderia todo este peso que ganhei. Pura balela!
    Emagreci 14 kg no primeiro mês, e o restante, não consigo perder nem indo à academia todos os dias. Ok, ainda é bastante recente e devo ter paciência.
    Já passei por momentos muito difíceis depois do parto: chorei demais por me sentir gorda, acreditei que meu esposo iria deixar de me desejar por estar acima do peso (mesmo ele dizendo o tempo todo que estou linda e que não posso pretender perder tanto peso em tão pouco tempo!), fiquei desesperada por ter que comprar roupas novas para a volta ao trabalho, já que os gastos com o bebê são enormes e renovar um guarda-roupa não é nada barato, enfim.
    Estou superando tudo isso com o amor e apoio incondicional do meu esposo, que além de demonstrar ser um SUPER PAI, também me surpreendeu com a compreensão, amor e carinho nesta nova fase.

    Avalie:   Positivo 13 Negativo 1

  19. Elisangela Carrao Ermonge disse:

    Tenho 27 anos,durante minha segunda gestacao engordei 7 kg,e agoraq estou acima do peso quase 20kg,o q devo fazer para perder todo esse peso,a pessoas q dizem q foi por ter tido complicacoes durante a gravides e ter domado muito soro,morfina e muitas outras medicacoes,para segurar meu bb,ela ja vai fazer 1 aninho ,prq sera q nao voltei ao meu peso sera q tem alguma coisa a ver.me ajudem por favor.

    Avalie:   Positivo 6 Negativo 0

  20. rosangela Red disse:

    Tenho 28 anos, e estou grávida de 5 mêses da minha primeira filhinha, + estou sendo muito criticada, pela a família inteira, porque já engordei 9 kilos, eu sei que é muito, e já estou acima do pesso, já procurei um acompanhamento com uma nutricionista, e ela me passou um programa alimentar e exercícios físicos, vou me dedicar, para que eu não tenha problemas no parto e até mesmo, para voltar o meu peso,más tenho muito medo de não conseguir.

    Avalie:   Positivo 3 Negativo 0

  21. Caroline Souza disse:

    Antes da gravidez pesava 62kg e 165m, tenho 23 anos. Engordei 22 kg na gravidez e pedi 8 kg. Estou com esse intermináveis 14 kg que não desaparecem de minha vida. Minha filha tá com 10 meses e ainda mama. Estou sentindo dificuldade imensa de fazer dieta. Vou ter que esperar ela ir pro coléginho pra q eu possa malhar e me cuidar como fazia anteriormente. E dar de mamar no meu caso não adiantou nada para perda de peso, isso funciona pra quem sempre foi sequinha. Me iludi quando falavam que amamentar emagrece. É MENTIRA !

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 3

  22. ISANETE BIESKI disse:

    Gostaria de saber se a amamentação emagresse ? E se sim quantas calorias/dias

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 0

  23. Suelem de Sá disse:

    Eu tenho 24 anos e meu bebe 10 meses, ele amamnta mas até hoje nãoconsegui emagrecer.
    dizem que se amamentar voce volta o corpo rápido é verdade?

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

    • Amano Bela disse:

      Sim, a amamentação é uma excelente forma de acelerar a perda de peso após o parto. A Doutora Marina F. Rea, do Instituto de Saúde de São Paulo, em 2004, fez um levantamento de dados sobre os benefícios de amamentar e verificou o seguinte:

      “Sabe-se que a mulher adulta com atividade física moderada necessita de 2.000 a 2.200 calorias e de 40-45 g de proteína por dia para a manutenção de seu peso e metabolismo. Quando lactante, é necessária uma quantidade adicional de 500-640 calorias e de cerca de 16 g de proteína. Como, na gravidez, acumulam-se reservas da ordem de 100-150 calorias por dia, a mulher muitas vezes termina a gestação com sobrepeso. Assim, de maneira geral, a mulher volta ao peso pré-gravidez após algum tempo, que é variável. No puerpério, quando o organismo da mulher está preparado para lactar, qual seja, produzir leite materno, nem sempre ela consome a quantidade necessária de calorias para produzir o leite que o bebê ingere. Se estiver amamentando, o organismo irá retirar aquela reserva acumulada para fabricar o leite materno. Se a amamentação for exclusiva, ou seja, se todas as calorias que o bebê estiver consumindo forem de origem materna, a quantidade retirada da mãe maior será. Assim, se a mãe pára de amamentar precocemente, conserva as calorias que seriam usadas para fabricar leite materno. A puérpera, então, conservará o peso ganho na gestação e demorará mais tempo para voltar ao peso pré-gestacional.

      Em regiões pobres, onde muitas vezes uma gravidez se segue à outra, o acúmulo de peso do ciclo gravídico puerperal pode contribuir para a obesidade nas mulheres adultas. A prática da amamentação exclusiva por 6 meses, conforme a recomendação da Organização Mundial da Saúde, contribui para uma perda de peso da mãe mais rápida. Em estudo longitudinal realizado com 312 mulheres do sul do Brasil, descobriu-se que as mulheres que amamentaram de 6 a 12 meses apresentaram os menores índices de massa corpórea e medidas de prega cutânea. Além disso, as que amamentaram de forma exclusiva ou predominante tenderam a ser mais magras do que as que amamentaram parcialmente ou não amamentaram.” (fonte: http://www.aleitamento.com/a_artigos.asp?id=x&id_artigo=750&id_subcategoria=1)

      Portanto, para as mães que estão no fim de gestação e acabaram de ter seus bebês: se você pode amamentar, é excelente para seu bebê, e também para você. Se houver qualquer dificuldade em relação ao aleitamento, procure ajuda, há diversos grupos de apoio à amamentação, na internet e em diversas cidades do brasil, e também os bancos de leite e profissionais que prestam orientação sobre aleitamento materno, inclusive em domicílio. Se precisar de suporte, entre com contato comigo por email ou telefone.

      Com relação à pergunta da Suelem, complemento: mesmo quando a mãe amamenta, pode acontecer uma dificuldade em perder o peso. Isso pode acontecer devido ao tempo individual de recuperação do corpo, mais uma vez digo que cada corpo tem uma forma e um tempo para voltar ao que era, mesmo que para a mulher pareça muito tempo. Além disso, existe o fator emocional, que pode afetar o peso corpóreo. Saiba mais sobre isso no texto que inclui recentemente no site: http://www.maternidadeconsciente.com/artigos/reflexoes-sobre-a-dificuldade-de-emagrecer-no-pos-parto/

      Um abraço!

      Avalie:   Positivo 4 Negativo 1

  24. Sandra Casyro disse:

    Ainda etou na quarentena, gostaria de saber se muda,alguma coisa deixar de comer apoi as 18:00 só tomar liquido, e no restante do dia manter, as refeições diarias normalmente, ou deve se seguir uma dieta desde ja muito grata bjs

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

    • Amano Bela disse:

      Sandra, você está amamentando? Se estiver amamentando, não se deve fazer qualquer tipo de dieta restritiva, especialmente sendo um período tão próximo ao do parto. Lembre-se que seu corpo ainda está se readaptando, é importante respeitar esse tempo. Além disso, a nutrição correta da mãe durante o período de aleitamento é muito importante para que seu corpo se mantenha saudável. Talvez seja interessante você consultar uma nutricionista para ver de que forma cuidar de sua alimentação sem ter que se privar de refeições ou perdas nutricionais.

      Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  25. Danubia Oliveira disse:

    emgordei 15kg na minha gestação com pouco mais de dois meses ja havia perdido os 15kg e voltado a usar minhas roupas habituais
    minha filha esta com 5 meses agora eu estou grávida novamente
    sera que meu corpo reagirá da mesma forma nesta segunda gravidez?

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  26. Tati disse:

    Olá,
    Qdo. engravidei do meu menininho em Maio/2007 pesava 47,5 kilos ( tenho 1,60 de altura), embora tenha hipotiroidismo sempre fui magrela e nas épocas mais gordinhas cheguei a 51 kilos… Meu filhinho nasceu prematura de 35 semanas, e no dia do parto me pesei, que desespero…rsss de 47,5 kilos estava em 75 kilos (engordei 28 kilos), pensei :”O hipotiroidismo resolveu fazer efeito na gravidez, oque eu vou fazer”…rssss. Após o parto ficou uns 6 kilos na mesa de cirurgia (cesárea), não emagreci rápido, demorou 5 infinitos meses para voltar ao meu corpo, com 3 meses eu fui para 55 kilos, com 4 meses para 51 kilos e com 5 mese 48 kilos. Hoje peso exatamente 47,5, que sempre foi meu peso… A única coisa triste no meu corpo foram umas leves estrias em volta do umbigo que aareceram depois do parto, mas são bem clarinhas nem incomodam tanto, o que realmente incomoda é a barriguinha que ficou levemente flácida, e com um pouco de excesso de pele em volta do umbigo (que aparece muito mais que as estrias e me incomoda muito mais também)… Vc vê que é pele mesmo, nem gordura tem, para mim que sempre tive a barriga sequinha, a pele nem é exagerada, mas a vejo como um monstro…rssss, principalmente no umbigo que ficou meio enrugadinho em cima, era bem pequenino e fechadinho, agora está maiorzinho e mais larguinho…Estou pensando em engravidar novamente no início de 2011, mas tenho medo de não conseguir emagrecer, pois agora estou com 31 anos, e da barriga ficar com mais excesso de pele ainda…Será que esse excesso de pele pode aumentar???
    Ah, amamentei o tempo todo e muito até meu Daniel fazer 01 ano e isso me ajudou muitão a emagrecer!
    bjoka

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 0

  27. Daiana Carvalho disse:

    Oi eu tive bebe a 1 mês,estou amamentando já perdi 12 kilos,mais estou achando minha barriga grande … eu gostaria de saber oque eu faço para ficar com a barriga sequinha. Desde já muito obrigado pela oportunidade de tirar minhas dúvidas.

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  28. Nathalia disse:

    Meninas, eu tenho 24 anos e na minha primeira gestação engordei 13kg só que perdi meu bebê quando estava com 84kg engravidei novamente e acreditem cheguei a 107kg e isso em míseros 1,60m fiquei loucaaaa, hoje peso 77kg e minha filha tem 5 meses…perdi esse peso só amamentando e cortando frituras, chocolate e coisas que não fazem bem ao bebê. Ainda não posso fazer dieta pq minha filha mama exclusivamente no peito e enquanto estiver mamando não podemos ser egoístas e querer emagrecer tudo e deixar o bb desnutrido né, ainda estou acima do peso 20kg mas chego lá..é só termos força de vontade…

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 1

  29. leah disse:

    oi tenho 23 anos um metro e cinquenta e peso 77 quilos o meu filho ja tem 2 anos e eu nao conseguir esmagrescer
    estou desesperado por favor me ajudem obrigada

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  30. Helaine Soares disse:

    boa noite!!! tenho 32 anos e há dois meses tive uma linda menina (Sofia), sempre malhei, antes de engravidar corria 14km três vezes por semana.
    Durante a gravidez fiz hidroginástica e engordei 13 quilos.
    Após 15 dias do parto já havia perdido 11kg.
    Com 50 dias começei a fazer musculação, mas moderada..diariamente…
    Estou muito feliz com minha bebê e com certeza com o passar do tempo e atividade física vou ficar tão bem/ou melhor, do que antes.
    Só tenho uma dúvida, com dois meses do parto já posso fazer bastante abdominais e correr na esteira???
    abçs.

    Avalie:   Positivo 2 Negativo 0

  31. camila disse:

    boa noite!
    tenho 21 anos e tive uma filha a 8 meses engordei 20kg consegui perder somente 10kg quando estava amamentando,nao consigo perder mais.o que eu faço?

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  32. Rosimar Santos disse:

    Olá, engordei 8 quilos na primeira gestação. Minha filha tem 1 mes e 20 dias, mas minha barriga ainda não voltou ao normal. Estou amamentando e já voltei ao peso de antes, mas a barriga ainda persiste. Estou usando cinta. Quanto tempo mais pra voltar ao normal. Estou sentindo muita vontade de comer doce e de estar comendo o tempo todo, será que isso é comum.

    Avalie:   Positivo 2 Negativo 1

  33. Erica disse:

    Olá. Engordei 24 quilos na minha gravidez, tenho 28 anos e já estava 10 kilos acima do meu peso. Meu filho esta com 5 meses já eliminei 17 quilos mas não consegui eliminar mais. O que eu faço para perder estes quilos.

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  34. aurea disse:

    Ola mamães….Na minha gravidez engordei 23 quilos quando descobri q estava gravida pesava 54 quilos isso porque sou mamãe de primeira viagem fui para o hospital ganhar meu garotao com 78 quilos,eu fazia musculacao nao sei se isso ajudou,mas em 1 semanas emagreci 16 quilos foi parto natural…Meu bebe nasceu com 3,950 hehehehe bem grandinho..Gostaria d saber se posso fazer em casa abdominal para fortalecer meu abdome estou d quarentena ainda …..

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  35. daniele disse:

    eu pesava 55 kilos antes de ficar gravida,sempre fui muito magra e obssessiva pela barriga trincada,malhava todos os dias em casa msm.Qdo optei por ficar gravida,antes das tentativas, eu malhei mais ainda. Mas hj vejo que valeu a pena, para quem quer ter um filho vale a pena malhar muito antes de engravidar. Eu engordei 20 quilos na gravidez, muito desse peso era inchaço, uma semana apos o parto eu ja estava no meu peso normal,55 quilos.Vale lembrar que dar o peito p/ bebe faz vc perder peso, isso eu garanto, dou o peito sempre que ele pede e a minha alimentaçao agora é balanceada, para não engordar muito. Hoje fazem 20 dias que dei a luz, meu filho esta lindo e cheio de saúde, e eu estou com a barriga de antes, agora só falta esperar a resguarda p/ voltar a malhar..rsrs

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 0

  36. Helena disse:

    Primeiramente – AMEII A MATÉRIA !
    Realmente é um turbilhão de emoções que passamos . E fiquei feliz por ver que nao sou a unica a engordar mais que os 10 kg permitidos pela médica .

    Eu nao tenho leite. Pois a redução de mamas me privou desse prazer . Na minha primeira gestação engordei 35 kg e com 15 dias ja tinha emagrecido 21 – pasme ! Graças a traiçao do meu ex – marido descoberta logo que cheguei da maternidade.

    Nessa 2ª gestaçao – ganhei 30 kg e com 20 dias ja perdi 12 . Tambem.. só o nenem pesava 4,5 . Mas é assim mesmo . Geralmente temos que aproveitar a queima calorica rapideito a do nosso corpo e Fazer refeiçoes de 3 em tres horas para que o organismo nao tenha o efeito REBOTE ou SANFOna.

    Amano , obrigada , pelos esclarecimentos ! em vc tem um programa de caminhada ? e exercicios para braços que podem ser feitos em casa ?

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 0

  37. Sabrina disse:

    Estou com 23 semanas e já engordei 18 kilos …. estou desesperadaaaaaaaaa !!!!! Mas tooodas as mulheres da minha família engordam por volta dos 30 kg …. Estou normal, em termos ?!?!?!?!?!

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 0

  38. paula disse:

    meu bebe tem tres meses ja posso voltar a fazer musculaçao na academia? meu parto foi cesaria…….desde ja obrigada

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 2

  39. tamires disse:

    eu estou muito nervosa pois estou de 26 semanas e engordei 15 kg
    quantos kg vou engordar ate o final da gestação?

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 0

  40. cla disse:

    estou com quase 24 semanas e ja engordei 7 quilos. E normal????? e verdade que o peso dobra a cada mes no final da gravidez??

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  41. Kézia disse:

    Bom dia, estou no fim da gestacao e engordei 7 kg, penso q n vou demorar voltar aos meus 53kg,

    boa sorte a todos, o melhor na gravidez é ingeririr alimentos saudaveis para o bebe e n para acumular gorduras pra vc.

    Avalie:   Positivo 2 Negativo 0

  42. adriana disse:

    engordei 18 kg na minha gravidez, perdi apenas 10kg, estou com 1 ano e 3 meses e os outros 9 estão aqui me fazendo infeliz.

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 0

  43. Elma Flávia disse:

    Olá, meu filho tem um ano e três meses, durante a gravidez engordei 22 quilos, de cara perdi 12,mas até hj não consegui perder os outros, além disso me sito péssima por ter ficado com avirilha, o pescoço e as axilas bastante escuras, mas acho que o pior é sentir a cobrança do meu marido e da família dele pelo excesso de peso,80% minhas tias por parte de mãe são obesas e minha irmã tb é! Isto tá mexendo muito comigo, e também não consigo ter horários para comer e pior ainda; durmo pouco e mau por que meu filho ainda mama.

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 1

  44. Elaine disse:

    Eu tive 3 gravidez, a primeira eu tive um ovo anembrionado (ovo cego) e perdi em menos de 1 mês… após isso foi detectado que eu estava com anemia, em 40 dias eu engordei 14 Kg.. de 56Kg fui para 70 Kg e não consegui perder.. tomei remédios, fiz dietas e nada.. após 9 meses engravidei novamente, engordei 20 Kg, fui para 90 Kg… meu filho nasceu de 40 semanas, 4.045gr e 52 cm… perfeito lindo, mamava super bem.. fiquei deprimida com meu peso… mas mantive a amamentação e com 1 ano voltei aos 70Kg peso da segunda gravidez.. nunca consegui sair dai… ele mamou até 2 anos e 4 meses.. eu estava grávida de 4 meses … só que depois do aniversário de 1 aninho para 2 aninhos eu engordei demais… :o( e com 84,5Kg eu engravidei novamente.. nessa gravidez eu engordei 12 Kg… e continuou com o mesmo peso.. . quando meu filho completou 6 meses eu comecei a ir na academia… mas não estou conseguindo emagrecer nada… estou desesperada :o(…. cobrança de marido.. cobrança de mãe.. cobrança de todos os lados… Preciso de ajuda…

    Avalie:   Positivo 1 Negativo 1

  45. camila disse:

    Eu tenho 22 anos, engordei 23 kg na minha primeira gestacao.
    Hoje a bb tem 3 meses e ja perdi 15kg so amamentando. Ainda falta um pouco pra chegar no meu peso ideal, mas agora sinto que vai ser mais demorado perder o peso, por isso minha alimentacao esta sendo bem balanceada.

    Amamentar emagrece sim, basta vc ter uma dieta balaceada. Nada de passar fome, apenas comer bem, sem doces nem frituras. =)

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  46. Ilzimaradriano de sousa disse:

    Na minha gravidez engordei 19 quilos perde 10 e agora ganhei 4 e eu nao estou mais amamentando o meu filho ta com 4meses e a minha menstruaçao nao venho ainda o que eu faço.

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  47. Ela disse:

    Não acho que estas modelos e atrizes mereçam elogios. Elas trazem ainda mais à tona a carga de culpa da mulher comum em relação a este assunto. Elas detonam conosco. Eu engordei muito da gravidez gemelar que tive e outro dia ouvi de minha própria mãe que fulaninha de tal já estava esbelta de novo… e era uma cobrança.

    Avalie:   Positivo 4 Negativo 1

  48. Michelle disse:

    Eu fiz cesarea estou com um bebe de 4 meses engordei 20 kilos e só perdi 8 estou me sentindo muito triste e envergonhada não tenho mais disposição para nada me peso toda dia na esperença de ter perdido alguma grama pro favor me ajudem eu não sei mais o que fazer!

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

    • Juliana disse:

      Oi Michelle, a minha filha tem 6 meses. Eu engordei 13 kilos na gestação e não perdi nada até hoje ….. Eu sou super a favor do aleitamento materno exclusivo e por isso o fiz mas não me ajudou a emagrecer …. não como bobagens, só alimentos saudáveis e tento fazer exercícios ….. realmente, o nosso corpo é um mistério….. Agora comecei a anotar tudo o que como!! Não custa tentar …… FORÇA pq vc não é a única !! Bjo

      Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  49. ana disse:

    Ganhei uns 24 kilos na primeira gravidez! Sai da maternidade com uns 10 a menos! O resto, demorou o tempo da gravidez= 9 meses pra serem perdidos… vc leva 9 meses pra engordar e nao deve achar que em 2 estara posando pra playboy lol

    Avalie:   Positivo 0 Negativo 0

  50. esther disse:

    Ola- tenho 18 anos minha primeira gravidez engordei quase 30 quilos… Engordei 29 quilos… Estou com 39 semanas quase la kkkk estou com medo de nao voltar meu corpo de antes eu pesava 55 quilos ….tenho 1metro e 66 bj aguardo dicas…

    Avalie:   Positivo 2 Negativo 0

A sua opinião conta muito.

Participe! Deixe um comentário nesta página: